Manaus/AM – Em novo boletim médico divulgado nesta terça-feira (5), pelo médico ortopedista Nilton Orlando, afirma que Fabíola Rodrigues Pinto de Oliveira, viúva do advogado morto no Porão do Alemão, não corre risco de ter a perna amputada em decorrência dos ferimentos do tiro que levou. 

Confira o boletim na íntegra:

BOLETIM MÉDICO

A paciente Fabíola Rodrigues Pinto de Oliveira está no segundo dia pós operatório devido a ferimento ocasionado por arma de fogo ocorrido em 25 de novembro de 2017. As lesões são graves e estruturas anatômicas sofreram danos irreparáveis, na perna esquerda. Neste momento, apresenta regular estado de saúde e não tem previsão de alta hospitalar. Será submetida a novas intervenções cirúrgicas conforme evolução do estado de saúde. O salvamento do membro é o principal objetivo do tratamento inicialmente e este se apresenta viável e livre de risco de amputação até o presente momento. Não se pode precisar quais sequelas foram adquiridas devido ao ferimento por arma de fogo até o final deste primeiro tratamento. 

Comentários

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here