Foto: Mário Oliveira / Semcom

Manaus – O governador Wilson Lima, o prefeito Arthur Virgílio Neto e o secretário Nacional de Vigilância em Saúde, do Ministério da Saúde, Wanderson Kleber de Oliveira, reuniram a imprensa na tarde desta terça-feira,19/3, na sede do Governo, na Compensa, zona Oeste, para falar sobre a Campanha de Vacinação contra a Influenza (gripe) no Amazonas. A abertura oficial será amanhã, 20, às 9h, no Parque Municipal do Idoso, no bairro Nossa Senhora das Graças, zona Centro-Sul de Manaus.

Wilson Lima destacou que o Amazonas é o primeiro Estado a iniciar a campanha, em 2019. “A antecipação da campanha era um pleito antigo e observamos essa sensibilidade do Governo Federal em atender nosso apelo. Conversei com o secretário e ele já nos garantiu esse esforço para que, no ano que vem, nós possamos ter a campanha antecipada para cá, respeitando nosso período de chuvas, que agrava a epidemia. Esse comprometimento me deixou muito satisfeito”, frisou.

Ele também destacou que 48 municípios do interior já receberam a vacina. “Foi montada uma logística para distribuição da vacina aqui na capital, onde há a maior concentração de casos e também para o interior. Até sexta-feira, todos os municípios terão as doses da vacina”, assegurou o governador.

Campanha

Serão 1.535 salas de imunização abertas nos 62 municípios, das quais 183 em Manaus, das quais 153 são da Semsa. Na capital, a vacinação acontecerá nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) da prefeitura, no Parque do Idoso, na sede da Universidade Aberta da Terceira Idade (UnATI) e nas Centrais de Distribuição do Leite do Meu Filho. Vale destacar que, 20 UBSs funcionarão com horário diferenciado e outras dez terão horário ampliado.

Segundo o prefeito Arthur Virgílio Neto, a meta da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) é vacinar 90% do público alvo da capital, que é de 455.083. “Temos a meta ousada de chegar a esse percentual em 15 dias. Esse é o nosso compromisso, em rápida resposta a todo o esforço feito pelo Ministério da Saúde e do próprio ministro Mandetta em antecipar a campanha no Estado. Então, minhas palavras são de agradecimento”, disse.

As unidades de vacina da capital que estarão realizando a vacinação já estão mapeadas no sistema de georreferenciamento da prefeitura e podem ser acessadas no link – http://bit.ly/SalasVacinaInfluenzaMar19

A Susam também abrirá salas de vacina nos 12 Centros de Atenção Integral à Criança (CAIC) e três Centros de Atenção Integral à Melhor Idade (CAIMI), de 8 às 17h, para seus públicos específicos. No interior, além das UBSs, cada uma das 61 prefeituras definirá suas salas de imunização.

Em todo o Amazonas, a meta da campanha é imunizar um milhão de pessoas, obedecendo o grupo prioritário determinado pelo Ministério da Saúde. O titular da Secretaria Nacional de Vigilância em Saúde, Wanderson Kleber de Oliveira, que está em Manaus para o lançamento da campanha, enfatizou que a vacina é uma estratégia importante, mas não é destinada a evitar a circulação do vírus, mas sim para evitar que casos graves e óbitos ocorram nos grupos prioritários.

O público alvo é formado por crianças de 6 meses a 5 anos, 11 meses e 29 dias, gestantes, profissionais de saúde e educação da rede pública e privada, indígenas, idosos com mais de 60 anos, pessoas portadoras de doenças crônicas não transmissíveis; as portadoras de outras condições clínicas especiais como doença respiratória crônica, doença cardíaca crônica, doença renal crônica, doença hepática crônica, doença neurológica crônica, diabetes, imunossupressão, obesos, transplantados e portadores de trissomias (Síndrome de Down, Síndrome de Edward, Síndrome de Patau, Síndrome de Warkany).

Comentários

Comentários