Pedro Pablo Santo Domingo

Pedro Pablo Santo Domingo, 22, teve sua primeira experiência como pai há apenas 30 dias.

Tão significativo momento oprimiu o homem que decidiu imortalizá-lo com uma tatuagem com o nome do menino nas costas. Desta forma, a palavra “Benjamin” foi tatuada.

Depois de ter tatuado as costas, o homem encontrou uma mensagem no celular de sua esposa. Todas as ilusões depositadas em seu sonho de ser pai desapareceram em um piscar de olhos.

Um mês após ter feito a tatuagem, Pedro ao olhar o celular de sua esposa, descobriu uma conversa entre ela e o seu ex-namorado. Nas mensagens, a mulher pede para que o homem retome o relacionamento com ela e, além disso, confessou que o bebê que ela tinha não era de Pedro e que estava disposta a abandonar o marido

Um teste de DNA demonstrou as afirmações de seu parceiro. De fato, ele não era o pai biológico de Benjamin.

As informações são do TelefeNoticias.com.ar

Comentários

Comentários