Ao completar 90 dias online, o aplicativo “Manaus+Luz” registra um total de 8.847 solicitações de serviços de iluminação pública. Atualmente, somando todos os canais disponíveis para registro de solicitações, esse número corresponde a 28,8% do total geral de pedidos realizados pelos cidadãos na capital.

A ferramenta foi lançada pelo prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto, em novembro do ano passado, como novo canal para o cidadão solicitar serviços de iluminação pública, sendo gratuita para smartphones e tablets, disponível nas plataformas Android e iOS, e faz parte das ações do programa “Cidade Inteligente”, numa parceria entre a concessionária Manausluz e a Unidade Gestora Municipal de Abastecimento de Energia Elétrica (UGPM Energia), estrutura vinculada à Secretaria Municipal de Parcerias e Projetos Estratégicos (Semppe).

Atualmente, Manaus possui mais de 127 mil pontos de iluminação pública, dos quais mais de 50 mil são luminárias de LED instaladas.

Como funciona

Após baixar o “Manaus+Luz” gratuitamente nas lojas de apps, o cidadão faz um cadastro inicial com nome, número do CPF e e-mail. O registro da solicitação para serviço de iluminação será feito com base na localização do problema, que pode ser lâmpada apagada, lâmpada acesa durante o dia e lâmpada oscilando. Os protocolos abertos pelos usuários podem ser acompanhados pelo aplicativo e cada solicitação tem um prazo de até 48 horas para ser executada.

Também está disponível o 0800 201 0001, em funcionamento 24 horas, para solicitações sobre iluminação pública.

Comentários

Comentários