Montagem: Reprodução/Internet

Manaus|AM – Um morador das proximidades do igarapé da avenida Sumaúma, localizado no bairro Monte das Oliveiras, na Zona Norte da capital, encontrou o corpo do 3º sargento da Polícia Militar do Amazonas (PMAM), identificado como Marco Antônio Benjamin da Silva, conhecido como sargento B. Silva, lotado na 18ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom).

O homem então ligou para a polícia que acionou uma equipe da 15ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom). O corpo tinha pelo menos três perfurações de arma de fogo.

O corpo de Benjamin estava próximo ao bueiro, e o odor chamou a atenção do morador que passava perto do local.

Suspeita

Um amigo da vítima que não quis se identificar disse que o assassinato do sargento B. Silva pode ter ligação com o duplo homicídio onde o tenente Joselito, da 18ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom) e acusado de ser autor do crime. O sargento dizia que sabia demais.

“A morte do sargento é uma ameaça, porque outras pessoas que sabem sobre o que aconteceu na madrugada do último dia 05/01, podem ficar acuados para prestar depoimentos e esclarecimentos. B. Silva era usuário de drogas e fazia ‘arregos’, cobranças em bocas-de-fumo com o sargento Edizandro Santos Lozarda, e o cabo Grasiano Monteiro Negreiros ”, disse.

Entenda o caso

Isso é inadmissível!!!Nós da ACS, assim como toda a classe policial e a sociedade de bem, estamos indignados e clamamos por justiça!!!

Posted by ACS on Sunday, January 20, 2019

Comentários

Comentários