Foto: Reprodução/Instagram

Manaus|AM – Arlete Pereira de Araújo, de 70 anos, e o sobrinho dela, Alexandro Matheus Araújo de Lima, 31, foram encontrados mortos no início da noite de terça-feira, 04/12, dentro de uma casa na rua 10, do conjunto Hiléia, na Redenção, Zona Centro-Oeste da capital. 

Amigos foram até o local depois de achar estranho Alexandro ter faltado dois dias seguidos no trabalho e o celular dele só dá desligado. Ao chegar na residência, encontraram tudo fechado, um deles chegou a pular o muro da casa e viu marcas de sangue pela janela e ligaram para a polícia.

As cabeças das vítimas estavam esmagadas, os corpos estavam despidos com sinais de agressão física. Há 10 anos, o avô de Alexandro teria sido morto dentro da mesma residência, estrangulado com uma corda durante um assalto.

Segundo a Polícia Civil, a casa estava toda revirada, foram encontradas preservativos usados e algumas caixas de relógios estavam vazias. O corpo do sobrinho foi encontrado no quarto dele e da idosa no banheiro do quarto dela.

Um amigo de Alexandro que não quis se identificar, disse que ele era homossexual e costumava se envolver amorosamente com pessoas erradas, que ele conhecia através de aplicativos gay, os mesmos ele costumava levar para casa dele.

A polícia trabalha com a possibilidade de o autor do crime ser alguém que tinha acesso livre a casa. A casa não apresentava arrombamento. 

Os corpos foram removidos do local do crime pelos funcionários do Instituto Médico Legal (IML) e o caso será investigado pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).

Alexandro considerava a tia como mãe

View this post on Instagram

Hoje é o dia dela Minha rainha 👸🏻 Aquela que não me teve de seu próprio ventre, mas me teve e me tem dentro do seu enorme coração.🤱🏻 Ela que fez, faz o possível e o impossível para me ver bem e feliz 😀 Ela que na medida do possível ajuda todos os familiares e amigos com o que pode e até com o que não pode 🤷🏻‍♀️ Aquela que me ensina dia a dia a amá-la, respeitá-la e nunca desaponta-la. 🙎🏻‍♀️ Que ensina o bom caminho a seguir desde que me trouxe pra debaixo de suas asas igual uma galinha cuida de seus pintinhos assim ela me mantém 🤱🏻 70 anos de vida e plenitude, só desejo a vc Mamyly, muita saúde, muito mais sucesso por onde vc passar, que vc continue sendo esse ser humano maravilhoso que ama, respeita, ensina, transparente e verdadeira, tenho orgulho em dizer que sou teu filho, e que te amo e que faço tudo pra te ver feliz. 👩‍👦 Eu amo vc. Parabéns pelo seu dia. ❤️ #ArleteAraujo70Anos

A post shared by Sr. Alex Mateus (@oalexsandromateus) on

 

Comentários

Comentários